Toxina botulínica (Botox)

Saiba mais sobre a aplicação de
Toxina Botulínica em Curitiba

botox-em-curitiba

 

Trabalhamos com Botox em Curitiba para fins estéticos ou no combate à hiperidrose e cefaleia tensional:

  • Rugas da face;
  • Rugas do pescoço;
  • Rugas do colo;
  • Redução do sorriso gengival;
  • Hiperidrose (ou suor excessivo) em axilas, mãos e pés;
  • Tratamento da cefaleia tensional.

Marque sua aplicação de Botox em Curitiba!

A aplicação de toxina botulínica é particularmente útil para o amenizar as rugas dinâmicas, ou seja, aquelas que aparecem ou pioram com o movimento da musculatura facial.

O Botox é também utilizado para tratamento da hiperidrose (sudorese excessiva) das axilas, mãos e pés com excelentes resultados.

Como funciona a aplicação de Botox em Curitiba?

A Prevedello Dermatologia está localizada no bairro Ahú, próximo ao Centro Cívico de Curitiba. É preciso agendar horário. 

Primeiros cuidados

Após a aplicação, nas primeiras horas, o paciente apresenta uma leve vermelhidão e inchaço nos pontos de aplicação, os quais se resolvem espontaneamente. É recomendado que você permaneça 24 horas sem massagear a região da aplicação e sem realizar atividades físicas. Também é necessário ficar 4 horas sem se deitar.

Nas primeiras 48 horas podem ocorrer dores de cabeça, que resolvem espontaneamente ou com uso de analgésicos simples. Podem surgir ainda hematomas nos locais da aplicação, tratados com pomadas apropriadas.

Não se exponha ao sol

Caso ocorram hematomas, não se exponha ao sol sem o uso de filtro solar, pois a exposição do hematoma à radiação solar pode levar a manchas amarronzadas permanentes.

Durabilidade

A durabilidade do resultado é de 3 a 6 meses, dependendo de características individuais do paciente. Retoques são realizados entre 15 e 30 dias. Reaplicações só podem ser feitas após 3 meses.

 

Contraindicações

Não podem realizar o procedimento pessoas que estejam em quaisquer uma dessas condições: gestação, amamentação, pacientes com hipersensibilidade ao produto, portadores de doença neuromuscular, presença de processos inflamatórios e/ ou infecciosos no local da aplicação e uso simultâneo de medicações que reduzem sua eficácia.